5. Beleza Oculta - Será que seus olhos exergam mesmo - jun.2019
BELEZA OCULTA – SERÁ QUE SEUS OLHOS ENXERGAM MESMO?
22 de July de 2020

Lá se vão mais de dois anos que Marcos Batista e eu em um determinado momento de nossas vidas nos deparamos com o que seria nossa maior descoberta.        

Afinal o que é a Beleza Oculta? Impossível compreender o que é a Beleza Oculta para mim sem mergulhar na jornada que fiz em Santiago de Compostela.

Eram dias de forte provação emocional e verdades a todo o momento apresentadas aos integrantes da jornada. Éramos oito no início da jornada e chegaríamos nove ao final. Fica aqui um convite a você amigo leitor providenciar meu livro Vidas Ressignificadas, uma jornada em Santiago de Compostela que está disponível para que você aprofunde ao máximo minha experiência em Compostela.     

Quero com você neste artigo ajudá-lo a entender o que chamo de beleza oculta.

Beleza oculta é tudo aquilo que nossos olhos não veem, mas podemos sentir.    

Imagine uma vida em que primeiro você faz a experiência do sentir e depois concebe pensamentos racionais oferecendo assim a oportunidade para que sua consciência tenha condições de ajudá-lo na tomada de decisão.

Mas entenda, estou propondo a você que inverte a lógica. Primeiro faz a experiência do sentir, depois do julgar. Como isso pode ocorrer, entanto o que é a Beleza Oculta.

TEMPO, AMOR E MORTE

Para entender o que é a Beleza Oculta, precisamos primeiro aprofundar suas bases. Tempo, amor e morte.

Tempo: Controle humano da dimensão do dia. Nele o tempo, somos regidos por compromissos e regras. Já pensou em apenas viver o dia sem o controle do tempo? Imagine estar presente ao que acontece a sua frente sem a pressão de estar atrasado? Mas jamais se esqueça, você não controla o tempo. Ele além de ser perecível ao extremo é completamente incontrolável. Hoje você tem ele a sua mão, porém não tem a mínima ideia se estará no controle em 10 minutos. Estar presente e dono do tempo é essencial para que você o valorize. Seu tempo é seu. Dedicá-lo inutilmente a sensações, relações ou interações que não promovem seu crescimento é desperdiçar sua vida.

Amor: Você sabe o que é o amor? Bem amigo então me prove fisicamente o que é o amor. Sim, quero uma prova real do amor. Veja você não conseguirá. Sabe por quê? Tudo que vale a pena na sua vida é intangível. Amar é sentir, amar é ver com o coração. Temos três cérebros e gostaria que caminhasse comigo nesta reflexão. Em sua cabeça acontecem a maior parte das sinapses. Mas você faz sinapses na veia aorta do coração e no intestino grosso. Aquela dor no peito quando algo acontece ou você pressente? Bem, é seu coração literalmente sentindo sem que sua razão se oponha. Aquele frio na barriga que você ama ou odeia? Aquele alimente que só fez mal a você ou ainda aquela bola no estômago que não deixa você comer nada? Bem querido leitor seus três cérebros são muito mais ativos do que imagina e eles sim são os responsáveis por suas decisões. A questão central é que por gerações fomos condicionados a racionalizar e esquecer o que sentimos.

Morte: Lembra que o tempo é perecível e você não controla? Ela a morte é certeira e inusitada. Aparece e se apresenta sem você esperar, estar preparado ou desejar. A Morte é a única certeza que temos. Ela é o destino fim de todos os seres que tem vida. Se a Morte é certeira por que então fazemos de conta que ela não existe? Quantas pessoas conheço que apenas começaram a ver a Beleza Oculta quando a morte bateu sua porta. Pior querido amigo é quando a morte se apresenta e alguns seres humanos regridem voltando para as cavernas e sofrendo ainda mais. A isto eu chamo involução pois poucos no mundo tem uma segunda chance diante da morte.

BELEZA OCULTA, ELA ESTÁ A SUA FRENTE

Tempo, amor e morte. Estes são os três pilares da Beleza Oculta. A escassez do tempo sua impossibilidade de controle nos coloca diante de um enorme dilema. Ou vivemos o amor do presente intensamente ou a morte pode nos bater à porta e sentirmos o fim sem que tenhamos vivido nossa potência de ser potencialmente seres humanos.

Sentir a Beleza Oculta é parar de ver com os olhos e deixar nossos três cérebros donos do controle. Olhe não estou aqui pedindo a você que passe a ser um ser apaixonado por tudo sem sentido ou razão. Minha provocação é outra.

Na verdade, amigo, não é provocação é alerta. Uma vida que vale a pena é uma vida a onde os intangíveis tem mais lugar do que os bens que ocupam espaço. Tudo que ocupa espaço em sua vida pode estar justamente no lugar do que faz mais sentido a você.

Pare de acumular coisas e comece a acumular experiências. Tenha mais histórias para contar do que coisas para mostrar. Seja mais lembrando pelas marcas de amor que viveu do que as de dor que deixou. Consegue agora mesmo colocar em uma folha pessoas que tem por você dívidas de gratidão?

Dívidas de Gratidão são aquelas que você tem por pessoas que tocou com seu amor. Gerou impacto, fez a diferença e em muitos casos será lembrado eternamente.   

Consegue me dizer quantos você tocou desta forma no último ano, mês ou semana? Amigo, saia das racionalizações do mundo. Mergulhe no intangível e acumule exponencialmente dívidas de gratidão.

Viver é uma responsabilidade apenas sua. Entender que o tempo, amor e morte estão intrinsecamente relacionados, é sabedoria. Ignorar a finitude da vida não é burrice é cegueira. Sendo assim, ser cego é ter olhos e não sentir. Viva o hoje como se fosse o último dia sentindo e não apenas estando de corpo físico.

Gratidão leitor, Benício Filho pelo mundo tentando sempre enxergar as belezas ocultas aos olhos, mas perceptíveis pelo coração e experimentadas pela alma.

Benício Filho
Psicanalista Clínico, formado pela Kadmon Sociedade Brasileira de Psicanálise e Coaching. Com formação em eletrônica, graduado em Teologia pela PUC SP, com MBA pela FGV em Gestão Estratégica e Econômica de Negócios, atua no mercado como empreendedor no segmento de tecnologia desenvolvendo equipes, formando lideranças e criando negócios no Brasil e em outros países. Palestrante desde 2016 sobre temas como Cultura de Inovação, Cultura de Startups, Liderança Ressignificada, Empreendedorismo, Espiritualidade e Essência, já esteve presente em mais de 400 eventos. Sócio fundador do Instituto Elaborar e conselheiro do ITESCS (Instituto de Tecnologia de São Caetano do Sul) bem como em outras empresas e associações. Lançou em dezembro de 2019 o seu primeiro livro “Vidas Ressignificadas” que mergulha em sua experiência na jornada que fez em Santiago de Compostela.